segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Balanço de 2012

Mais um ano que chega ao fim. Talvez um dos melhores anos de Spotting que tive. Foi uma bela forma de comemorar os 10 anos de Spotting.

Voos
Este ano realizei 10 voos, todos relacionados com Spotting Trips. Voei 39 horas e 13 minutos e uma distância de aproximadamente 31410 km.

Aeroportos/Aeródromos Visitados
Este ano fiz spotting nos seguintes aeroportos/aeródromos:
-Faro
-Los Angeles
-Lisboa
-Benavente
-Portimão
-Madrid
-Bruxelas
-Amsterdão
-Maastricht
-Rota
-Jerez de la Frontera
-Sevilha

Estive no mesmo número de aeroportos/aeródromos do que em 2011. Este ano os aeroportos "novos" foram 7: Los Angeles, Benavente, Bruxelas, Amsterdão, Maastricht, Rota e Jerez de la Frontera.

Los Angeles foi "a" viagem de 2012. Pela primeira vez estive noutro continente e foi a minha primeira viagem de 2012. Foram quatro dias fantásticos de Spotting com muita variedade e aviões novos. Foi a minha viagem mais rentável até à data, ultrapassando o record anterior de Frankfurt: 646 registos! Estivemos no famoso Imperial Hill, talvez o local de spotting mais conhecido de Los Angeles, para fotografar as pistas sul. Estivemos também num local para as pistas norte, perto de um Burger King.

Em Lisboa estive duas vezes para fazer Spotting. Da segunda vez que lá estive consegui fotografar um B777-300 da TAAG, um A310 da Air Transat com as novas cores, um ATP da West Air Luxembourg, entre outros.

Em Benavente foi celebrado o 4º aniversário da APS - Associação Portugal Spotters. Realizou-se também neste dia uma Assembleia Geral e a tomada de posse da nova direcção, na qual eu estou como vice-presidente da direcção.

A Portimão fui poucas vezes em relação a anos anteriores. A última vez foi no dia 15 de Setembro, aquando do Fly-In Pilav Parfg, realizado em homenagem ao Paulo Gonçalves e a todos os que infelizmente faleceram em acidentes de aviação. Descansem em paz...

A Madrid é a já habitual "One Day Spotting Trip". Concretizaram-se alguns objectivos, como o A330 da Air Europa com a pintura da Skyteam.

Em Bruxelas e Maastricht foram passagens muito curtas, pois foram viagens feitas de carro. Em Bruxelas foi durante uma manhã e deu para fotografar 73 registos novos. Em Maastricht foi uma passagem mesmo curta, pois é muito difícil fotografar os aviões que estão no chão.

Em Amsterdão tive o prazer de lá estar duas vezes distintas. A primeira, de 12 a 14 de Setembro com o Mickael Cavaco. A segunda, de 4 a 8 de Outubro com o Edgar Santos e Vitor Carneiro. Foi um aeroporto que gostei muito de spottar. As condições são boas, os movimentos são variados e a luz excelente. A Polderbaan foi um dos melhores spots onde estive.

Para acabar o ano em grande, eu na companhia do Fernando, Manuel, Mickael e Vitor fomos até Rota, Jerez de la Frontera e Sevilha. Os primeiros dois eram a estrear para mim. Em Rota os movimentos foram poucos mas bons. O último aeroporto onde spottei este ano foi em Sevilha.

Em Faro foi um Verão com algumas novidades. Não estive muito presente devido à minha disponibilidade mas consegui fotografar algumas novidades. Destaque para a Enter Air, XL Germany, Iberworld, entre outros.

Destaques
Depois de um resumo daquilo que foi o meu ano em termos de spotting, nada melhor do que passar para a prática e mostrar-vos algumas fotografias de aviões que se destacaram em 2012:









































Podem ver todos os meus posts de 2012 clicando aqui.

Agradecimentos
Como sempre, quero agradecer a todos os que me acompanharam nas viagens, nas spottadas, a todos os meus colegas de trabalho e de spotting e a todos os que acompanham o meu trabalho neste blog ou nos fóruns que participo. Obrigado Edgar Santos, Mickael Cavaco, Gonçalo Santos, Tiago Palla, João Santos, Fernando Sousa, Vitor Carneiro, Manuel Brito, Edgar Baptista, Luís Rosa, Paulo Carvalho, Gil Cardoso,  Dick, Bruno Silva, José Lobato... E em título póstumo, ao grande Paulo Gonçalves que já não está entre nós, mas jamais será esquecido, um MUITO obrigado por tudo. Descansa em paz, amigo...

Registos Novos
Como acabo os meus posts no blog, acabo também o último post do ano. A barreira dos 5000 registos foi ultrapassada. Neste momento tenho 5466 registos. Este ano consegui 1287 registos novos o que corresponde a aproximadamente 23,55% dos registos que tenho actualmente.

Assim termina mais um ano. Desejo a todos os meus familiares, amigos, colegas e aos visitantes do meu blog um 2013 cheio de saúde, alegria e muitos aviões. E claro, que este próximo ano seja, dentro do possível, igual ou melhor que 2012. Até para o ano!


Spottada em Espanha - Aeroporto de Sevilha

E para acabar esta mini-viagem, fizemos a última paragem em Sevilha. O objectivo principal seria os voos de teste da fábrica da Airbus Military, mas segundo os spotters locais a fábrica está fechada até ao dia 8 de Janeiro. Ficámos na mesma a spottar alguns aviões que por lá passaram e conviver com os spotters de Sevilha. Um abraço a eles. Esta foi também a minha última spottada de 2012.

CS-TMV | Beechcraft B1900D | PGA Express

EC-LOB | A320 | Vueling

F-GRHV | A319 | Air France

EC-LAA | A320 | Vueling

EC-HCJ | Socata TB-10 Tobago | Air Consul

Registos Novos: 4

Spottada em Espanha - Aeroporto de Jerez de la Frontera

A caminho de Sevilha, passámos por Jerez de la Frontera. Era um aeroporto que tinha curiosidade em visitar. Infelizmente não encontrámos spots para fotografar movimentos a aterrar e/ou a descolar. Apenas conseguimos fotografar para a placa de dois sítios.


EC-LST | ATR-72 | Swiftair

EC-JVG | Aérospatiale SA-365N3 Dauphin 2 | Secretaria General de Pesca Maritima

Registos Novos: 2

domingo, 30 de dezembro de 2012

Spottada em Espanha - Base Naval de Rota

No dia 28 de Dezembro de 2012, na companhia do Fernando Sousa, Manuel Brito, Mickael Cavaco e Vítor Carneiro, fui até Espanha para spottar em Rota, Jerez de la Frontera e Sevilha. A primeira paragem seria em Rota. Esta cidade tem uma Base Naval fundada pelos E.U.A. A base é usada pelos espanhóis e pelos americanos.

Spottar em bases aéreas/navais é sempre um risco, pois não há forma de prever os movimentos. O Fernando contou-me que numa das viagens que fez a Rota não viu um único avião. Desta vez tivemos sorte e vimos quatro aviões diferentes. O primeiro, assim que chegámos, foi um Dassault Falcon 20 da Força Aérea Espanhola. Seguiu-se um C-5 da USAF, um EAV-8 da Força Aérea Espanhola e um C-9 da Marinha dos E.U.A.

TM.11-4 | Dassault Falcon 20 | Spain Air Force

85-0005 | Lockheed C-5M Super Galaxy | United States Air Force (USAF)


VA.1B-36 | McDonnell Douglas EAV-8B Harrier II | Spain Air Force

160050 | McDonnell Douglas C-9 | USA Navy

Registos Novos: 4